O site da Humodernista utiliza cookies. Saiba mais sobre nossas Políticas de Cookies clicando aqui. Ao navegar você concorda com a sua utilização.
Saiba mais sobre os cookies em nossa Advertência Jurídica e Políticas de Privacidade

R$ 165 mil – Formulário de emprego de Steve Jobs

Thumb R$ 165 mil – Formulário de emprego de Steve Jobs

Criador do Iphone preencheu à mão formulário em 1973, três anos antes de fundar uma das mais famosas empresas do mundo.

Tanto Steve Jobs quanto a empresa que ele criou, a Apple, são hoje mundialmente famosos. Um dia, porém, Jobs almejou ser um assalariado.

É o que revela um pedido de emprego feito por ele em 1973, três anos antes de criar a Apple.

O documento vai ser leiloado em meados de março e espera-se que ele seja arrematado por cerca de US$ 50 mil (cerca de R$ 165 mil).

Trata-se de um formulário preenchido por Jobs à mão. Tem apenas uma página e alguns erros de ortografia.

Steve Jobs

Entre as habilidades destacadas no formulário, ele incluiu “tecnologia eletrônica ou engenharia gráfica”. Ele respondeu “sim” ao item que perguntava se entendia de computadores e de calculadoras, mas logo puxou uma seta para salientar as palavras “design” e “tecnologia” entre parênteses.

Ele escreveu o nome completo “Steve jobs” com a primeira letra do sobrenome, que significa trabalho em inglês, em minúsculo. Steve indicou também em letras minúsculas o endereço e a universidade privada que frequentou em Portland, no Estado do Oregon.

Jobs também respondeu positivamente quando perguntado se tinha carteira de motorista. Mas quando questionado se tinha acesso a um carro, escreveu: “possível, mas improvável”.

A lado da palavra “telefone”, o criador do iPhone escreveu: “nenhum”.

E deixou em branco o item em que pediam a experiência anterior de trabalho.

Steve Jobs morreu de câncer em 2011, aos 56 anos. Depois da morte de Jobs, a Apple se tornou a primeira empresa a superar os US$ 800 bilhões em valor de mercado.

Leilão

Não se sabe, contudo, para qual emprego Jobs concorreu ao preencher o formulário. Mas o pedido de emprego do criador da Apple vai ser colocado à venda numa feira de cultura pop em Boston, nos EUA.

Outros objetos pessoais de Jobs e de outros famosos que já morreram também serão leiloados.

Na lista estão:

– Um manual técnico sobre o sistema operacional do MacOS X, de 2001, assinado por Jobs e avaliado em US$ 25 mil;

– Uma notícia de jornal de 2008 autografada por Jobs com o título “O novo e mais rápido iPhone vai ser vendido por US$ 199”, que é avaliada em US$15 mil;

Serão leiloadas ainda uma fotografia autografada do ex-Beatle John Lennon, ao lado da mulher, Yoko Ono, tirada em 1977 em Tóquio. Também será leiloada uma carta de amor da cantora britânica Amy Winehouse ao ex-marido Blake Fielder-Civil.

Outro item inusitado do leilão é ficha criminal do cantor Jimi Hendrix. A ficha tem as digitais dele coletadas pela polícia de Toronto em 1969, quando o artista foi preso por posse de drogas. A ficha policial será colocada à venda por um lance inicial de US$ 15 mil.

Fonte: metrojornal.com.br

Envie seu comentário:

Você também pode gostar:



Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE